Empresários devem investir na comunicação interna

A comunicação está cada vez mais presente na vida das pessoas. Seja através de mensagens instantâneas, redes sociais ou mesmo aplicativos diversos, é possível obter informações diversas em segundos. E dentro dos ambientes de trabalho? Como o empresário deve agir para que a comunicação flua?

Uma das formas é investir na comunicação interna, que são as interações, os processos de trocas, os relacionamentos dentro de uma empresa ou instituição. Também chamada de Endocomunicação, a Comunicação Interna é responsável por fazer circular as informações da direção para os níveis subordinados e entre os empregados de mesmo nível de subordinação.

Muitas empresas consideram a comunicação interna como um gasto ou perda de tempo, confiando que as pessoas trabalham unicamente pela remuneração. Contudo, empresas que investem em uma comunicação interna clara, transparente e eficaz observam maiores níveis de produtividade e engajamento de suas equipes que se sentem mais valorizadas.

Empresários que investem neste tipo de comunicação garantem que os colaboradores estejam totalmente alinhados ao discurso oficial da empresa e isso, tanto nos bons, quanto nos maus momentos, é um diferencial que ajudará a fortalecer o seu negócio e a desfazer mal entendidos ou boatos.

Conforme uma pesquisa da Associação Brasileira de Comunicação Empresarial (Aberje) sobre comunicação corporativa, 63% das empresas disseram que a comunicação interna é um dos processos mais importantes de comunicação em um ambiente organizacional e que esse é o setor que deve receber mais investimentos nos próximos anos.

peoplecreations/Freepik

Vantagens da comunicação interna

Pensando no assunto, a Project Builder, SMARTalk e SambaTech desenvolveram o Guia completo para empresas: Alinhe sua comunicação Interna, em formato de ebook. Lá eles citam cinco benefícios e vantagens de investir na comunicação interna dentro das empresas. São eles:

1 Cultura organizacional fortalecida

A cultura organizacional pode ser definida como as regras, os valores, o modo de convivência que as pessoas levam na sua empresa. Quando a comunicação interna funciona de verdade, esses valores são fortalecidos, as pessoas passam a conviver com mais harmonia e colaboração entre si, o que afeta positivamente o clima e o ambiente organizacional.

2 Maior participação das pessoas

Você já teve a impressão de que as pessoas na sua empresa não são engajadas, mesmo quando há uma ação em benefício delas, como uma confraternização? Isso pode ser fruto de uma comunicação interna mal gerenciada, com falhas no fluxo de informações.

Esses desencontros podem gerar um aumento de conversas cruzadas dentro da empresa, conhecida popularmente como “rádio peão”, o que pode trazer desconforto para algumas pessoas e o compartilhamento de informações erradas.

Mas, se você colocar a comunicação interna para funcionar, facilitando o compartilhamento de informações oficiais, aquelas emitidas pela empresa com a finalidade de informar o colaborador, vai perceber que as pessoas ficarão mais abertas para participar de eventos, treinamentos e mudanças.

3 Produtividade em alta

Um dos grandes objetivos da comunicação interna é motivar as pessoas, despertando senso de pertencimento à empresa. Isso é feito por meio da criação de valor, para a empresa e para os colaboradores, a partir de um ambiente agradável para o trabalho ou de normas e hábitos internos.

Quando você tem pessoas motivadas trabalhando, as falhas e as queixas diminuem, o tempo de ociosidade cai e a produtividade aparece como nunca, simplesmente porque as pessoas veem sentido no que fazem e se sentem felizes em fazer.

Além do mais, uma comunicação interna eficiente evita que hajam falhas na transmissão de mensagens estratégicas e que isso prejudique processos e projetos importantes. Assim você evita que a mesma tarefa precise ser feita duas vezes e também ganha em tempo de produção e dinamicidade.

4 Maior assertividade nas mensagens

Certamente você já passou ou vivenciou uma situação em que disse uma coisa a uma pessoa e ela transmitiu a mensagem completamente diferente do que você esperava. Pois bem, isso acontece frequentemente nas empresas em que não há uma comunicação interna sistematizada.

Em contrapartida, quando você investe em canais de comunicação que levam a informação para todos ao mesmo tempo, da mesma forma, esse tipo de equívoco não acontece. Surge, então, a necessidade da criação de um canal oficial entre a empresa e o público interno dela, como e-mail marketing, jornal interno, TV Corporativa, entre outras ferramentas.

5 Alinhamento e trabalho em equipe

A empresa é como um complexo de engrenagens e, se uma peça falhar, todo o resto falha. Sendo assim, é preciso conscientizar as pessoas para que trabalhem alinhadas aos objetivos organizacionais e contribuam umas com as outras para que isso não aconteça. Uma forma de garantir uma boa conduta é investir em comunicação interna, despertando nas pessoas o sentimento de responsabilidade pelo sucesso de todos.

Freepik

Canais de comunicação nas organizações

E falando sobre canais de comunicação, é hora de conhecer alguns dos mais utilizados nas empresas. Reproduzimos o material da SambaTech.

Mural de avisos

Uma das formas mais tradicionais que as empresas utilizam para se comunicar com o público interno são os murais de avisos e notícias. Esses murais normalmente são atualizados com panfletos e cartazes fixados periodicamente. A dica é colocá-los em locais de grande circulação, como um refeitório ou espaço comum e designar um colaborador em cada área para ficar responsável por sua atualização periódica.

E-mail

E-mails também são bastante utilizados nas empresas para comunicação interna. Através de grupos, que podem englobar toda a empresa ou apenas setores específicos, as mensagens enviadas são acessadas pelos colaboradores e serão efetivas se transmitidas da maneira certa. Lembre-se de caprichar nos títulos para garantir sua abertura e de elaborar o conteúdo de cada um deles de forma atrativa e clara, para sua mensagem ser compreendida da melhor forma.

TV Corporativa

Uma TV corporativa é uma ótima forma de deixar sua comunicação mais dinâmica e efetiva. Através de notícias e informações exibidas em aparelhos posicionados estrategicamente na empresa, os colaboradores podem ficar a par de tudo que acontece na empresa e até receberem treinamentos e capacitações a distância. Se escolher esse canal, o ideal é que cada setor tenha um espaço para postar suas novidades e que o formato de vídeo seja utilizado sempre que possível.

Canal de vídeos interno

Através de um canal de vídeos interno, você tem praticamente as mesmas funções que poderia conseguir com a TV corporativa, porém de forma muito mais simples e acessível. Cada setor teria seu espaço para divulgar notícias e novidades e todos poderiam acompanhar por seus próprios aparelhos. Vale lembrar que nesse caso é importante garantir a segurança dos materiais postados nesse canal, pois eles podem conter informações sigilosas e estratégicas da empresa.  

Intranet

A intranet também é bastante utilizada quando se trata de comunicação interna. Através dessas redes privadas, as pessoas podem compartilhar arquivos e informações confidenciais e se manterem conectadas a toda a empresa. A intranet, porém, ainda é um pouco limitada em termos de comunicação e assim como os e-mails, pode perder sua efetividade em determinados contextos.

Jornal interno

O jornal ou revista são mais um canal através do qual é possível realizar a comunicação interna. Eles podem ser organizados de forma a destacar as notícias mais importantes e também ter um espaço para cada setor. Porém, como esse é um dos materiais mais difíceis e caros de ser produzido, por questões como edição é impressão, ele tem perdido espaço dentro das empresas, que querem, cada vez mais, economizar tempo e dinheiro.

 

Gostou do conteúdo? Cadastre-se e receba em primeira mão!

 

Com informações:

Tudo sobre comunicação interna

A importância da comunicação interna para uma empresa

Guia completo para empresas: Alinhe sua comunicação Interna

Aberje

SambaTech

SmarTalk

Project Builder

Dartagnan Costa

Advogado OAB/RS 72.784 Diretor na empresa Dartagnan & Stein Sociedade de Advogados, atuando no Estado do Rio Grande do Sul. Bacharel e Mestre em Direito pela Universidade de Santa Cruz do Sul Especialista em Direito Tributário pela Universidade Cândido Mendes Especialista em Direito Empresarial do Trabalho pela Universidade Cidade de São Paulo MBA em Direito da Economia e da Empresa pela Fundação Getúlio Vargas

Deixe uma resposta