Ambiente tenso não gera produtividade

A cada dia, a rotina agitada e a pressão dos gestores faz com que os ambientes de trabalho tornem-se locais tensos e estressantes, afetando muitas vezes a produtividade de uma pessoa, da empresa, do clima de trabalho e consequentemente do relacionamento com os clientes. Afinal, quando uma parte não flui, o resto do trabalho tende a ser afetado também.

As causas do estresse nos profissionais brasileiros são bem variadas, porém algumas se destacam, dentre os principais estão: pressão por resultados, entregas em prazos curtos, longas jornadas de trabalho, reuniões intermináveis, chefe chato, falta de reconhecimento… E a lista do estresse só aumenta.

Uma pesquisa feita pela empresa de recrutamento Robert Half em 13 países revelou que os brasileiros são os mais estressados no mercado de trabalho. Segundo o levantamento, 42% dos profissionais do país convivem frequentemente com o estresse e a ansiedade gerados pelo emprego, diante de 11% na média dos demais países.

O excesso de trabalho (52%) foi apontado como o principal gerador de estresse e ansiedade nos colaboradores, que acaba gerando fadiga mental, mudança de humor, alteração de peso e pouco descanso durante o sono. Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS) o caso no Brasil é sério, perdendo apenas para o Japão.

Embora os números sejam altos, existem outras causas que justificam o fato do brasileiro ser um dos mais estressados do mundo. Conforme Christian Barbosa, especialista em gestão do tempo e produtividade, para o RH Portal, o trabalhador brasileiro deixa tudo para a última hora e, quanto maior o número de tarefas atrasadas, maior o estresse.

Além disso, ele comenta que o brasileiro também tem que lidar com a economia imprevisível, que pode levar a cortes e demissões, essa expectativa ruim nos estressa. A maioria dos moradores do país tem de conviver com fatores externos estressantes, como o trânsito, a falta de segurança pública, um sistema de saúde pública precário, entre outros.

jcomp/Freepik

Dicas para aliviar a tensão do trabalho

Eduardo Shinyashiki, mestre em neuropsicologia, liderança educadora e especialista em desenvolvimento das competências de liderança organizacional e pessoal, elaborou para a Catho 5 dicas para conseguir aliviar a tensão do trabalho quando chegar em casa e colocar a saúde mental, e consequentemente física, em primeiro lugar.

  1. Ao final do expediente, faça uma lista de tarefas realizadas e das pendentes.

Assim, além de organizar sua rotina e saber o que você fez o que você ainda precisa fazer, você não gera a ansiedade pelo que está pendente, já que você passa a entender seu ritmo de trabalho e consegue prever quando finalizará suas tarefas.

  1. Faça uma caminhada ou atividade física sempre que possível.

Isso vai te distanciar dos problemas do trabalho, dissolver as tensões e as articulações, aumentando em até 50% sua capacidade criativa. Se não tem tempo de ir a academia ou ao parque fazer uma caminhada, desça um ou dois pontos de ônibus antes do seu e continue o trajeto a pé, assim você desperta os seus sentidos, reencontra vigor e se prepara para a próxima dica.

  1. Crie um ritual de descompressão em casa.

Escolha o lugar ou a atividade que vai representar, para você, um momento de descompressão. Colocar uma música de fundo, trocar de roupa, retirar os sapatos, tomar um banho, passear e brincar com o cachorro ou fazer alguns minutos de meditação. Tenha a consciência de que você está em um momento de passagem, de que esse ritual é para que você se desconecte dos seus problemas e da sua rotina profissional e se conecte com sua vida pessoal, com seus momentos de lazer e relaxamento.

  1. Dê mais risadas, gargalhe, mantenha o bom humor.

Na índia existe um tipo de medicação onde riem, gargalham. Desenvolva e cultive o bom humor. Mantenha uma rede social para sair, rir e se divertir. Quando chegar em casa, encontre motivos para rir com aqueles que estão lhe esperando. Às vezes, ligamos o piloto automático e esquecemos de rir com aqueles com quem vivemos. Rir distancia o estresse e nos faz sentir relaxados, física e mentalmente falando.

  1. Tenha metas pessoais, não somente profissionais.

Cultive seu hobby e interesses que vão além da sua profissão. Cultive seus sonhos. Mantenha metas relacionadas a relacionamentos interpessoais, assim seus passos e suas ações irão conduzir você para uma vida de sucesso pessoal também.

Gostou do conteúdo? Cadastre-se ao lado e receba novidades em primeira mão!

Com informações

Estresse no trabalho

5 dicas para aliviar a tensão do trabalho

Brasileiro é o mais estressado

Eduardo Shinyashiki

Dartagnan Costa

Advogado OAB/RS 72.784 Diretor na empresa Dartagnan & Stein Sociedade de Advogados, atuando no mercado do Rio Grande do Sul. Bacharel e Mestre em Direito pela Universidade de Santa Cruz do Sul Especialista em Direito Tributário pela Universidade Cândido Mendes Especialista em Direito Empresarial do Trabalho pela Universidade Cidade de São Paulo MBA em Direito da Economia e da Empresa pela Fundação Getúlio Vargas

Deixe uma resposta